Mesa Radiônica RP – Ferramenta em Branco

Mesa Radiônica RP – Ferramenta em Branco

Mesa Radiônica RP Rosa  – A Origem da Ferramenta em Branco

Mesa Radiônica RP Rosa  – A Origem da Ferramenta em Branco

Eu sempre incentivo os operadores de Mesa Radiônica a ancorarem novas ferramentas em suas mesas, e , em todas as  mesas que eu idealizei, tem essa opção que fundamentei.

Poucos sabem a história que vou compartilhar aqui e a origem da ferramenta em branco.

Até meados de 2008 eu trabalhava no Instituto Luz em São Paulo,  como colaboradora nos cursos de formação holística, e tive a oportunidade de conhecer muita coisa.  E foi durante essa época que frequentei vários cursos de Mesa Radiônica com o Prof. José Marcial, e , a partir dos conceitos que ele ensinava, (mas não a mesa que ele usava) eu criei a mesa rosa.  Até hoje a sua arte se mantém original, embora muitos conceitos foram adaptados à nova linguagem.

Durante o processo de elaboração, algumas dificuldades dos alunos foram eliminadas com a disposição das ferramentas em forma de uma barra  circular,  para facilitar o uso do Pendulo, e a criação da Ferramenta em Branco, que tem a função agregar novas ferramentas e novos conceito à mesa.

Foi em setembro de 2009, no IDEPES no ecrã  do computador da  Prof Sonia Dick que esses conceitos tormaram a forma da Mesa Radiônica RP ( rosa ) como conhecemos hoje.

A ferramenta em branco  tem a finalidade de se acolher  as ferramentas terapéuticas e conceitos que nos fazem sentido, para que a mesa radiônica não seja um limitador, e possa acompanhar a Evolução da Consciência do seu operador.

Portanto, ferramentas em branco é qualquer coisa que faça sentido, que você acredite, que goste, que venha da sua alma como ferramenta para  Nossa Evolução. Não se trata de ativar “algo bom” ou uma terapia nova,  e sim alguma coisa do seu “repertório interno”, algo que realmente conheça e saiba aplicar.

Sugiro que busquem todos os conhecimentos que procuram, e que após assimila-los, ancorem em suas mesas, assim como fazem no seu campo energético.

Régia Prado.

2 Comentários
  • Maria da Conceição Resende
    Posted at 15:11h, 11 Agosto Responder

    Gratidão
    É assim que tenho feito.

  • Paulo F
    Posted at 16:29h, 11 Agosto Responder

    Acho o conceito perfeito. Uma dádiva de liberdade. Grato, muito grato

Post A Comment

Importante Respeitamos sua privacidade. Este site faz uso de cookies, retendo dados de navegação, apenas para melhorar a interação com o visitante.